Carregando...
X
Crie sua conta Bipp
Fale agora com um consultor ou preencha o formulário e entraremos em contato:
Blog
Blog
  • Tudo o que você precisa saber sobre agricultura de precisão

    Tudo o que você precisa saber sobre agricultura de precisão

    09/03/2022

    As rápidas transformações dos últimos anos fizeram da agricultura um setor altamente competitivo. Assim, para ter potencial para competir, produtores rurais dependem de especialização, profissionalismo e tecnologia - e a agricultura de precisão representa um avanço que engloba tudo isso.

    O uso de tecnologias associadas à agricultura de precisão no Brasil vem crescendo exponencialmente a ponto de fortalecer ainda mais o agronegócio brasileiro, oferecendo aumento da produção, eficiência e sustentabilidade dos recursos econômicos e ambientais.

    Mas você sabe o que é, de fato, a agricultura de precisão e como ela contribui com a elevação da produtividade agrícola? Confira nosso artigo de hoje e conheça mais sobre esse conjunto de tecnologias que está revolucionando o agronegócio.

    O que é a agricultura de precisão?

    Como o próprio nome diz, a Agricultura de Precisão representa um conjunto de tecnologias avançadas que levam maior eficiência à agricultura, principalmente devido à maior capacidade de análise de dados. 

    Com isso, os agricultores passam a cuidar da sua lavoura de forma única, analisando a necessidade de cada talhão, ao invés de olhar para toda a área como se todos os talhões fossem idênticos dentro da fazenda.

    Mas, para explicar o que é a agricultura de precisão, vale citar um benefício prático da AP. 

    Imagine que uma propriedade tenha pulverizadores inteligentes que, com base na análise de dados do solo, permitem “entender as reais necessidades” dos talhões. Com isso, a pulverização será otimizada e permitirá economia no uso de insumos.

    Isso ocorre, porque será possível fazer a aplicação localizada de defensivos/fertilizantes a taxas variáveis (volumes diferentes aplicados de acordo com as necessidades específicas de cada metro quadrado). 

    Assim, de uma maneira generalista, a agricultura de precisão se divide em três etapas:

    1. Coleta de dados: reúne informações e as características de cada área produtiva;

    2. Planejamento do gerenciamento: consiste na avaliação dos fatores de produção e suas variações, permitindo elaborar uma estratégia de gerenciamento agrícola baseada em mapas de uso dos insumos e diagnóstico de cada área da lavoura;

    3. Aplicação dos insumos: caracterizado pela aplicação e controle automático dos insumos, de acordo com dados mais assertivos.

     

    Tecnologias de agricultura de precisão que você pode utilizar em sua lavoura

    Como visto, a agricultura de precisão representa a soma de tecnologias de monitoramento e operação que possuem a capacidade de mensurar com exatidão os insumos necessários e adequação do manejo de acordo com os resultados das informações geradas. Isso só é possível graças às ferramentas de AP.

    Dentre essas ferramentas, as mais recorrentes são:

    • Piloto automático: reduz erros na operação da máquina, devido à maior uniformidade da atividade da máquina;

    • Controle de aplicação de insumos: permite a aplicação do insumo somente quando necessário, otimizando a aplicação e evitando gastos desnecessários;

    • Sensores: fornecem dados que auxiliam no monitoramento da lavoura;

    • Semeadoras a taxa variável: com o uso de dados, este equipamento consegue alterar a densidade de sementes a serem depositadas de acordo com o potencial produtivo da lavoura;

    • Drones: visualmente, são os maiores representantes da AP. Quando adotados, facilitam o levantamento de dados, fornecendo informações estratégicas aos agricultores;

    • Barras de luz: proporcionam diversas vantagens à distribuição de sementes e adubos, por conseguir definir os espaçamentos com mais precisão.

    Dessa forma, é facilmente perceptível entender que a Agricultura de Precisão possui inúmeras ferramentas que podem auxiliar o agricultor na hora da tomada de decisão dentro do ambiente do agronegócio.

    Impactos da agricultura de precisão sobre o agronegócio

    Quando adotadas pelo agricultor, as ferramentas de AP permitem acompanhar o processo com precisão, coletando e analisando as informações que facilitam a tomada de decisão, proporcionando controle sobre o processo produtivo e contribuindo para uma produção eficiente, lucrativa e sustentável.

    Desse modo, quando adotada a agricultura de precisão representa um diferencial importante para elevar a produtividade agrícola. E os estudos mostram isso, indicando que as tecnologias de agricultura de precisão podem aumentar a produtividade das lavouras em até 67%.

    Isso significa maior:

    • Assertividade na tomada de decisão;

    • Economia na utilização de insumos e recursos financeiros;

    • Visualização detalhada de cada talhão da propriedade, melhorando o manejo.

    Dessa forma, a abordagem da AP muda a concepção do agricultor sobre sua como manejar sua lavoura. Na agricultura convencional, toda a lavoura é vista como sendo homogênea, o que leva os produtores a usarem as necessidades médias para a inserção de insumos. 

    Já a agricultura de precisão permite gerir o sistema de produção metro por metro, considerando que cada pedaço da fazenda tem características específicas e devem ser tratadas como tal.

    Diante disso, a agricultura de precisão representa uma quebra de paradigma, com aumento da precisão da atividade agrícola, elevando a produtividade, além de contribuir com o desenvolvimento sustentável.

    Continue acompanhando o blog da BIPP e fique sempre bem informado sobre todas as novidades do agronegócio brasileiro!

Notícias Relacionadas